4 segredos para o engajamento dos funcionários - B.I. InternationalB.I. International

4 segredos para o engajamento dos funcionários

Seus funcionários estão desmotivados? A chave para resolver esse problema pode estar aqui.

[divider_line]

4-segredos-para-o-engajamento-dos-funcionarios

[divider_padding]

Certamente existem muitos fatores que influenciam a maneira com que as pessoas se motivam diariamente, mas um grande motivo é o chefe.

Parece óbvio: supervisores diretos que dirigem suas equipes para o sucesso, pedem feedback, identificam as causas das preocupações dos funcionários e, em seguida implementa melhorias significativas têm funcionários mais engajados e felizes.

Por que então os empreendedores e líderes deixam o envolvimento dos funcionários com tanta frequência para o pessoal do RH?

O RH tem uma função importante, mas nem a melhor equipe de RH está em uma posição de tomar as ações necessárias para afetar as atitudes dos funcionários individualmente ou em equipe.

E o envolvimento dos funcionários continua a ser um desafio para as empresas no mundo todo.

Recentemente, a Bain & Company, em conjunto com a Netsurvey, analisou as respostas de 200 mil funcionários em 40 empresas em 60 países e encontrou algumas tendências preocupantes:

  • As pontuações de engajamento diminuíram com o salário e os cargos dos funcionários. Isso significa que os funcionários com o conhecimento mais profundo da empresa normalmente são os menos engajados.
  • Pontuações de engajamento caem quando você está muito abaixo no organograma o que significa que os altos executivos tendem a subestimar o descontentamento da linha de frente.
  • Os níveis de engajamento são mais baixos entre os funcionários de vendas e serviços, que têm o maior número de interações com os clientes.

No entanto, algumas empresas conseguem reverter essas tendências. A empresa de suporte e hospedagem Rackspace, por exemplo, tem um mantra fanático de suporte ao cliente.

Energizados e motivados, os rackers se dedicam para criar uma experiência superior para os clientes.

Por sua vez, os clientes recompensam os Rackspace com intensa lealdade, contribuindo para o crescimento da receita anual da empresa em 25% e pelo s 48% do crescimento dos lucros desde 2008.

O Rackspace e as outras empresas líderes investem pesado na criação de uma cultura de engajamento dos funcionários. Mas quais são os segredos?

Rackspace: investimento pesado na cultura organizacional.

Rackspace: investimento pesado na cultura organizacional.

#1. A responsabilidade é dos líderes, e não do RH

[divider_line]

É difícil para os funcionários se tornarem verdadeiramente engajados se não gostarem ou confiarem em seus chefes.

É por isso que é fundamental para os supervisores tratar do envolvimento da equipe como uma alta prioridade.

Por isso, os líderes seniores dão a seus supervisores a responsabilidade e autoridade para motivar o engajamento, energia e criatividade que sinalizam profundo envolvimento dos funcionários.
[divider_padding]

#2. Líderes aprendem a ter diálogos sinceros com suas equipes

[divider_line] Nem todo líder envolve naturalmente seus funcionários e as empresas líderes fornecem treinamento e coaching sobre como incentivar discussões construtivas com os membros da equipe.

Assim, os líderes estão preparados para lidar com temas sensíveis, como pedidos de melhorias de salários ou preocupações sobre a terceirização.

O treinamento também salienta a importância de tomar ações corretas de forma rápida e, em seguida, dizendo aos funcionários como podem contribuir para as melhorias da empresa.
[divider_padding]

#3. Eles fazem checkins regulares

[divider_line] Pesquisas regulares, frequentes e anônimas dão a supervisores uma melhor compreensão da dinâmica da equipe e uma noção de como a equipe acredita que as experiências dos clientes possam ser melhoradas.

O mais importante, no entanto, não é uma métrica, mas o diálogo que é resultado desses checkins.

Na AT&T, os executivos não distribuem números das pesquisas com os funcionários. Em vez disso, eles mostram apenas as tendências e comentários na íntegra.

Isso sinaliza que discutir e abordar as causas profundas dos problemas importa mais do que qualquer pontuação absoluta.

Empresas com AT&T estão sempre monitorando o envolvimento dos seus funcionários.

Empresas com AT&T estão sempre monitorando o envolvimento dos seus funcionários.
[divider_padding]

#4. Equipes se reunindo em torno do cliente

[divider_line] Representantes de call center, especialistas em vendas, técnicos e outros da linha de frente conhecem intimamente quais aspectos do negócio irritam ou encantam os clientes.

As empresas que ganham regularmente nos índices de engajamento dos funcionários, perguntam aos funcionários como a empresa pode aprender mais sobre seus clientes e construir mais sobre construir promotores de clientes.

A AT&T por exemplo criou um infraestrutura digital que permite todas as sugestões dos funcionários, que se registram online.

Uma pequena equipe, dedicada lê e filtram as sugestões, enviando cada comentário para o líder responsável, que é obrigado a ler e responder os comentários.

Os funcionários podem ver o progresso de cada sugestão e os comentários. Outras empresas desenvolveram sistemas que permitem que os funcionários votem nas ideias sugeridas por outros funcionários, com as melhores ideias recebendo a atenção da equipe de liderança.

O engajamento é o primeiro passo de uma cultura

A maioria das empresas hoje gastam enormes quantidades de tempo e esforço de medição e que abordam questões relacionadas com o envolvimento dos funcionários.

Mas os resultados são geralmente abaixo do esperado. Para ter um maior retorno sobre esses recursos é hora de empresas, executivos e empreendedores colocarem a sua abordagem atual de cabeça pra baixo.

Abra o diálogo entre os funcionários e seus supervisores. Coloque equipes no comando. Isso é o que a sua empresa precisa fazer para ajudar seus funcionários a se engajarem e se aproximarem de seus trabalhos com energia, entusiasmo e criatividade.

[divider_top]

Este artigo foi adaptado do original, “The Four Secrets to Employee Engagement”, da Harvard Business Review do site Jornal do Empreendedor.

 

Deixe um comentário

Comentário (Obrigatório)

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Nome
E-mail